MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS

MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS
MATANDO A SUA SAUDADCE - GRUPO DE AMIGOS

RÁDIO PALESTINA FM 104,9

rádio palestina fm

sábado, 30 de março de 2013

PM e governo atribuem confusão na Fonte Nova a 'paixão das torcidas'

As autoridades policiais usaram gás lacrimogêneo contra os torcedores
 
 
A Polícia Militar da Bahia e a Secretaria Estadual da Copa atribuíram à "paixão das torcidas" a confusão ocorrida na manhã desta sexta-feira (29) na Arena Fonte Nova, que sediará jogos da Copa das Confederações, em junho, e da Copa do Mundo, em 2014.
Torcedores do Bahia entraram em confronto com a PM durante a venda de ingressos para o jogo de inauguração do estádio, entre o time tricolor e o Vitória, no domingo que vem (7 de abril).
"Esse é o primeiro jogo e há duas torcidas apaixonadas. É um jogo que vai definir quem vai fazer o primeiro gol, ganhar o primeiro jogo na Arena Fonte Nova. Acredito que nos jogos [da Copa das Confederações] não teremos problema nenhum", afirmou o comandante de operações da PM, coronel Nivaldo Nascimento.
O secretário da Copa, Ney Campello, usou a mesma justificativa: atribuiu o problema à "paixão" dos torcedores e à grande expectativa pela inauguração da Fonte Nova.
De acordo com o comandante de operações da PM, houve dois momentos de confusão. O primeiro ocorreu logo que os portões foram abertos. Como abrem para o lado de fora do estádio, foi preciso afastar torcedores que estavam próximos, o que desordenou a fila formada desde a noite de quinta-feira (28), nas bilheterias ao norte do estádio, e gerou o tumulto.
Quando os ingressos dessa área do estádio acabaram, os torcedores tentaram acessar as bilheterias ao sul da Arena Fonte Nova, destinadas aos torcedores do Vitória, mas foram impedidos pelos policiais militares. Não houve confronto entre as torcidas.
A PM usou gás lacrimogêneo contra os torcedores. Ao menos uma pessoa teve ferimentos leves. Ninguém foi preso. A polícia calcula que havia 20 mil torcedores a mais que a quantidade de ingressos disponibilizados.
Segundo a assessoria de imprensa da Fonte Nova, foram disponibilizados 41.500 ingressos para a partida. Para a torcida do Bahia foram reservados 58% dos bilhetes. Os outros 42% foram para o Vitória.
POLICIAMENTO
Nesta manhã havia cerca de 100 homens fazendo o policiamento no entorno da arena. No dia do jogo, serão 1.300 dentro e fora do estádio, segundo a PM.
Para os jogos da Copa das Confederações, a PM diz que seguirá as normas da Fifa e haverá um policial militar para cada 50 torcedores. Na competição, a Bahia receberá Nigéria X Uruguai (20/6) e Brasil e Itália (22/6).
Colaborou AGUIRRE TALENTO, de Belém