MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS

MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS
MATANDO A SUA SAUDADCE - GRUPO DE AMIGOS

RÁDIO PALESTINA FM 104,9

rádio palestina fm

domingo, 21 de junho de 2015

Lula era chamado de 'brahma' por empreiteiros da Lava Jato Mensagens de executivo da OAS interceptadas pela Polícia Federal mostram como o ex-presidente era tratado iG 20 Jun de 2015 - 19:19

Lula disse aos aliados que acredita ser o próximo alvo do juiz Moro


Um documento da Polícia Federal mostra como o ex-presidente Lula era chamado por executivos investigados pela Operação Lava Jato. Em mensagens interceptadas pela Polícia Federal, o executivo da OAS Léo Pinheiro chama o Lula pelo apelido de "Brahma".
A investigação aponta que “Brahma” era uma referência ao ex-presidente ao cruzarem informações com a agenda do petista. Em uma gravação entre Leo Pinheiro e um executivo da OAS eles dizem que “Brahma poderia fazer uma palestra no dia 26/11″ sobre o tema Brasil/Chile. Na mesma data, a agenda de Lula apontava um evento no país.
Documento da Polícia Federal que cita o ex-presidente (Foto: Reprodução)
Neste sábado, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teria dito aos seus aliados que está na "mira" do juiz Sérgio Moro. Segundo a Folha de S. Paulo, Lula acredita que a prisão dos presidentes da Odebrecht e da Andrade Guiterrez, nessa sexta-feira, é uma demonstração de que ele será o próximo alvo da operação Lava Jato.
O ex-presidente também fez críticas ao atual governo pela inércia da presidente Dilma Rousseff para contenção dos danos causados pela investigação. Outra queixa de Lula é sobre a atuação do ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, que teria convencido a presidente a minimizar o impacto político da operação.