MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS

MATANDO A SUA SAUDADE - GRUPO DE AMIGOS
MATANDO A SUA SAUDADCE - GRUPO DE AMIGOS

RÁDIO PALESTINA FM 104,9

rádio palestina fm

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Vídeo de sexo entre padre e jovem será apreendido por delegada no RJ

Hipótese de exploração sexual e de extorsão do pai da menina em relação ao padre está sendo investigada

Agência Brasil 26 Fevereiro de 2013 - 23:33 

Foto: Ilustração
Padre teria se relacionado com duas irmãs menores de idade 
 
 
A delegada Marta Ferreira Dominguez, responsável pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Niterói, na Grande Rio de Janeiro, vai apreender a gravação em vídeo em que o padre Emilson Soares Corrêa aparece mantendo relação sexual com uma jovem. De acordo com a delegada, o pai da jovem, que recomendou que a menina fizesse o vídeo, será ouvido novamente.
O inquérito foi instaurado em novembro, mas o vídeo só foi divulgado agora. Segundo a delegada, o padre está sendo investigado por estupro de vulnerável, pois teria abusado também da irmã mais nova da jovem, de acordo com denúncia do pai. "O pai disse que o padre abusou sexualmente de sua filha, atualmente de 10 anos, quando ela tinha 7, que passou a mão nas partes íntimas dela. No tocante à mais velha, de 19 anos, (ele declarou) que o padre passou a se relacionar sexualmente com ela a partir dos 15 anos", disse Marta Ferreira.
A delegada declarou ainda que está sendo investigada a hipótese de exploração sexual e de extorsão do pai em relação ao padre. "Ele queria uma vantagem por causa do vídeo gravado, em que a filha aparece mantendo relacionamento sexual com o padre, além de outra menina, de 15 anos." De acordo com a policial, o padre confessou que se relaciona sexualmente com a jovem desde que ela completou 18 anos.
A Arquidiocese de Niterói divulgou nota informando que a denúncia está sendo averiguada e que o padre Emilson foi suspenso temporariamente do exercício do sacerdócio. Segundo a arquidiocese, o próprio padre levou a denúncia ao Ministério Público para ser investigado.
 

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Ciclone se aproxima da Austrália com ventos de 120 km/h

Moradores das zonas mais baixas de Port Hedland devem deixar suas casas

G1 26 Fevereiro de 2013 - 09:18 

Foto: Reprodução
 
 
 
Depois dos incêndios florestais no Sudeste e no Oeste e das enchentes no Nordeste, a Austrália se prepara agora para a chegada de um ciclone.
A Costa Oeste, banhada pelo Oceano Índico, já está sendo castigada por tempestades e ventos de até 120 km/h.
As autoridades acreditam que o ciclone vá ganhar força à medida que se aproxima do continente.
Moradores das zonas mais baixas da cidade de Port Hedland foram orientados a deixar suas casas.
A área de Port Hedland responde pelo movimento de cerca de um quinto do minério de ferro marítimo negociado no mundo, e é utilizado pela BHP Billiton, Fortescue Metals Group e Atlas Iron.
Os portos de Dampier e Cape Lambert, utilizados pela Rio Tinto, maior mineradora australiana, também estão localizados na região.

Imagem da Nasa mostra a aproximação de ciclone na Austrália. (Foto: Nasa / Via AFP Photo )Imagem da Nasa mostra a aproximação de ciclone na Austrália. (Foto: Nasa / Via AFP Photo )
 
 

Aluna de 15 anos atira e fere colega dentro de sala de aula na Alemanha

Incidente ocorreu em aula de francês em escola em Wernigerode

G1 26 Fevereiro de 2013 - 15:10 

Foto: Ilustração
 
 
 
Uma jovem de 15 anos disparou vários tiros durante uma aula de francês em um colégio de Wernigerode, na Alemanha, deixando um de seus colegas ferido, informou a polícia local nesta terça-feira (26).
A maioria dos alunos conseguiu sair da classe no momento em que a jovem começou a disparar. Depois, um dos alunos conseguiu desarmar a jovem.
Os motivos pelos quais a jovem teria ido armada ao colégio e efetuado os disparos ainda não foram 

Ao menos 19 morrem em queda de balão turístico no Egito

Um porta-voz da companhia responsável pelos passeios disse que o piloto e um turista sobreviveram

26 Fevereiro de 2013 - 07:34 

 

Foto: Ilustração
O veículo caiu de uma altura de 300 metros 

Ao menos 19 pessoas morreram na queda de um balão turístico na cidade egípcia de Luxor, nesta terça-feira. Entre as vítimas, estariam turistas japoneses, franceses e britânicos.
Um porta-voz da companhia responsável pelos passeios disse que o piloto e um turista sobreviveram, mas estão em condições críticas de saúde. Luxor está localizada a cerca de 700 quilômetros ao sul do Cairo.
De acordo com a imprensa local, o veículo caiu de uma altura de 300 metros. Uma explosão de gás teria causado o acidente, que, segundo a BNO News, é o pior da história do balonismo, superando 13 mortes em uma queda na Austrália em 1989.
Algumas das vítimas teriam morrido ao saltar do balão, enquanto outros se queimaram pelas chamas originadas após a explosão registrada por volta das 6h locais (5h de Brasília).
Em declarações à agência Mena, uma autoridade do Ministério do Turismo, Mahfuz Ali, expressou suas condolências às famílias das vítimas e disse que seu departamento criou um comitê para acompanhar o acidente e coordenar as equipes de segurança, médicos e hotéis para precisar as nacionalidades dos mortos. O Ministério do Turismo já entrou em contato com várias embaixadas para facilitar seu trabalho.
Com informações da agência EFE

Policial acusado de 100 mortes e canibalismo começa a ser julgado nos EUA

Gilberto Valle teria sequestrado, estuprado, torturado e matado uma centena de mulheres em Nova York

UOL 26 Fevereiro de 2013 - 09:55 

Foto: Reprodução
Gilberto Valle foi policial em Manhattan por seis meses 
 
O julgamento do agente Gilberto Valle, a quem os nova-iorquinos conhecem como o "policial canibal" do Queens, começou nesta segunda-feira (25) com a primeira audiência em um tribunal federal de Manhattan na qual sua esposa foi ouvida como testemunha.
Valle, 28, foi policial de Nova York durante seis anos e acusado, em novembro do ano passado, de planejar o sequestro de uma centena de mulheres para estuprá-las, torturá-las, assassiná-las e depois cozinhar e comer seus restos.
A promotoria convocou para prestar esclarecimentos a esposa do policial, Kathleen Mangan, que teve que interromper em várias ocasiões seu testemunho para conter o pranto.
A mulher detalhou que pelas noites Valle passava horas em frente ao computador vendo conteúdos pornográficos, que em uma ocasião encontrou fotos de mulheres nuas e ensanguentadas, e inclusive leu e-mails nos quais ela aparecia como possível vítima.
Kathleen, que tem uma filha com o acusado, relatou hoje que seu marido e um cúmplice tinham planos para amarrá-la "pelos pés e cortar-lhe a garganta" para depois "ver como sangrava".
O agente, de 28 anos, mantinha uma lista de possíveis vítimas, com fotografias e endereços, informação que tinha obtido de forma fraudulenta e sem autorização através do National Crime Information Center (NCIC), um banco de dados da polícia.
Caso seja considerado culpado, o policial pode ser condenado à prisão perpétua por conspiração para cometer sequestro, e a outros cinco anos de prisão por acessar arquivos federais sem autorização.
Ao anunciar as acusações apresentadas contra Valle em novembro, a promotora encarregada do caso, Hadassa Waxman, o qualificou de "depravado, desagradável, inquietante e espantoso".
No entanto, o advogado do policial, Edward Zas, assegura que seu cliente não fez nada mau e que Valle somente imaginava "coisas ruins" e que depois as publicava na internet.
A previsão é que o julgamento se estenda durante duas semanas.
 
 
 

Ônibus escolar fica pendurado após ponte de madeira ceder em Roraima

Acidente aconteceu na zona rural de Cacaulândia, na segunda-feira

G1 26 Fevereiro de 2013 - 14:53 

Foto: Rondônia Vip
Pilar da ponte de sustentação foi o motivo de acidente com o ônibus escolar 
 
 
Um ônibus escolar da Prefeitura de Cacaulândia (RO), a 250 quilômetros de Porto Velho, continua em cima da ponte do Rio Quatro Cachoeiras, nesta terça-feira (26), sem previsão de retirada. Na segunda-feira (25), o ônibus tombou ao passar por cima da ponte na Linha C-25, por volta das 11h (horário local), quando seguia para buscar cerca de 30 alunos da Escola Municipal Macheral Valdemiro Moura. A secretaria possui cerca de 18 itinerários de transporte escolar e, segundo Herlan Monteiro, secretário de Educação, neste período aparecem constantes problemas em todas as linhas rurais do município.
No ônibus havia apenas o motorista, que não ficou ferido. Herlan explica que um deslocamento do pilar de sustentação da ponte de concreto foi o motivo do acidente. “Este é um período de muitas chuvas e o pilar não suportou. Mas já estamos providenciando a retirada do ônibus do local”, diz o secretário, sem precisar quando o trabalho será realizado.
Os alunos que seriam transportados pelo veículo tombado moram na área rural de Cacaulândia e estudam na zona urbana do município.
Herlan acrescenta que o transporte dos alunos não foi interrompido. Outro veículo foi destinado para fazer o deslocamento dos estudantes. O veículo, segundo o secretário, está utilizando outro caminho, em que "não é preciso fazer baldeação e nem passar por cima da ponte".
Ônibus escolar permanece sobre a ponte do Rio Quatro Cachoeiras em Cacaulândia, RO (Foto: Erivelto Carlos/Site Rondônia Vip)Ônibus escolar permanece sobre a ponte do Rio Quatro Cachoeiras em Cacaulândia, RO (Foto: Erivelto Carlos/Rondônia Vip)

Condenado, Gil Rugai se matricula na Universidade Federal do RS

Gil Rugai foi condenado a 33 anos e nove meses pelo assassinato do pai, Luis Carlos Rugai, e da madrasta, Alessandra Troitino

G1 26 Fevereiro de 2013 - 15:17 

Foto: G1
 
 
 
Condenado a mais de 33 anos de prisão pela morte do pai e da madrasta, em março de 2004, Gil Rugai se matriculou em Biomedicina na Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA). Com o direito de responder em liberdade garantido pelo Supremo Tribunal Federal (STF), Rugai, de 29 anos, conquistou a vaga por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e consta na lista do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), divulgada em janeiro.
Em contato com o G1 nesta terça-feira (26), a universidade confirmou a matrícula do aluno, mas disse que não há registro de presença de Rugai nesta segunda-feira (25), primeiro dia do ano letivo. Ele já morou no Rio Grande do Sul em 2008 e chegou a ser preso no mesmo ano por mudar de endereço sem comunicar à Justiça.

A reportagem tentou entrar em contato com os advogados de Rugai, mas eles não foram localizados.

Entenda
Gil Rugai foi condenado a 33 anos e nove meses pelo assassinato do pai, Luis Carlos Rugai, e da madrasta, Alessandra Troitino, em março de 2004. Como Rugai tem uma liminar do STF que lhe garante liberdade, não tem antecedentes criminais e não pode mais interferir no processo (que já foi encerrado), o juiz permitiu que ele recorra em liberdade. A defesa disse que irá recorrer e tem até sexta-feira (1º) para isso.
O primeiro passo deverá ser pedir a anulação do julgamento ao Tribunal de Justiça de São Paulo. Se ganhar, haverá novo júri popular. Se perder, ainda pode levar o caso ao Superior Tribunal de Justiça e ao Supremo Tribunal Federal. Com isso, deve levar um bom tempo para que o condenado Gil Rugai comece a cumprir a pena.
A sentença é o resultado de cinco dias de julgamento, encerrado na última sexta-feira (22) no Fórum da Barra Funda, em São Paulo. Neste período, foram ouvidas 15 testemunhas (sendo cinco de acusação, sete de defesa e três do juízo), além do réu, que foi interrogado pelo juiz, por seus advogados e pelo promotor.
Na sentença, o juiz Adilson Paukoski Simoni chamou o condenado de dissimulado e "extremamente perigoso". Entretanto, determinou que ele poderá recorrer em liberdade. Segundo o juiz, Rugai pode pedir progressão para o regime semiaberto com o cumprimento de 5 anos, 7 meses e 15 dias de pena. Ele já cumpriu cerca de dois anos.
Gil Rugai negou o crime. "Não fui eu [quem matou]. Agora quem foi eu não sei", disse. As principais provas apresentadas contra o réu foram a pegada de Gil Rugai em uma porta arrombada no local do crime e a localização da arma que matou o casal. Ela pertencia ao jovem.
Tese da acusação
Os jurados acreditaram na tese do promotor do caso de que Gil matou o casal porque teve medo de que seu pai levasse adiante a ameaça de denunciá-lo à polícia por causa de um desvio de dinheiro ocorrido na produtora da vítima, a Referência Filmes.
O promotor também apontou o que chamou de outras contradições no interrogatório de Gil. Uma delas é sobre o local onde ocorreu uma discussão entre pai e filho dias antes do assassinato. Gil disse que não esteve na produtora do pai. Já em interrogatório prestado anteriormente, afirmou que após jantar com Luis em um restaurante, concluiu a conversa na sede da Referência Filmes.
No mesmo processo pelo homicídio, Gil responde ainda à acusação de ter dado um desfalque de mais de R$ 25 mil, em valores da época, à empresa do pai, razão pela qual havia sido expulso do imóvel cinco dias antes do crime. Ele cuidava da contabilidade da ‘Referência Filmes’.
Tese da defesa
O advogado Thiago Anastácio disse que a acusação tentou criar a imagem de Gil como um psicopata. “Construíram um psicopata. O caso Richthofen não é o caso do Gil”. A afirmação foi feita durante a argumentação da defesa na fase de debates do julgamento.
Durante o debate, os advogados de Gil Rugai apresentaram a linha do tempo que colocaria o réu fora da cena do crime e desqualificaram os depoimentos das testemunhas. “Um analfabeto fala que viu Gil Rugai sair de capa caramelo”, disse Anastácio tentando descredenciar o depoimento do vigia que afirmou ter visto Gil na casa onde ocorreram os crimes.
Durante uma hora e meia, os defensores tentaram plantar dúvidas no júri.  “Temos telefonemas que confirmam que Gil não estava na cena do crime. Às 21h54, um vizinho ligou para o motorista no dia do crime para relatar ter ouvido disparos. Às 22h12, Gil no telefone fixo da produtora dele, ligando para ele. Estava a 4 km de distância. Pergunto: Gil estava na cena do crime?”, afirmou o outro advogado de Gil Rugai, Marcelo Feller.
“E às 22h13, o vizinho liga novamente para o vigia perguntando sobre o barulho. E às 22h14, uma mulher chama a PM. Por que os vizinhos só chamaram a PM 44 minutos depois?”, contou tentando provar que seu cliente não estava presente na casa onde Luis Carlos Rugai e Alessandra Troitino.
Acusação
Durante sua fala, o promotor Rogério Leão Zagallo afirmou que o réu “tem dupla personalidade”. “Tangencia entre a normalidade e psicopatia”, disse o representante do Ministério Público (MP). A Promotoria afirmou ainda que Gil Rugai mentiu no júri ao dizer que não sabia que o pai havia trocado as chaves da produtora Referência Filmes. “À Polícia Civil, Gil havia dito no passado que soube dessa troca. Outras testemunhas, funcionários da empresa confirmaram isso”, disse Zagallo.
A tese do promotor é que a troca ocorreu porque o pai de Gil descobriu que o filho fraudou a empresa e não queria ele mais trabalhando nela e morando na mesma casa. Para o MP, Gil matou o casal porque teve medo de seu pai levar adiante a ameaça de denunciá-lo à polícia pelo desvio de dinheiro.
O promotor também questionou os álibis de Gil. O réu afirma que não estaria na cena do crime. “Se assim fosse, a amiga que o viu no Shopping Frei Caneca e a outra pessoa que falou que consertaria o telefone celular dele teriam sido arroladas como testemunhas, mas não foram”.
Outro depoimento apresentado foi o de um funcionário da Referência Filmes, que disse que Gil lhe teria afirmado que gostaria de o pai morto. “Uma funcionária ouviu Gil dizer: ‘eu seria mais feliz se meu pai morresse’”, relatou Zagallo. “Ele também se referiu ao pai como ‘fedido’”.
O objetivo do promotor foi o de tentar traçar o perfil psicológico de Gil. Após isso, começou a comentar as provas do crime, como a arma.
 

Empresária confessa ter matado marido após traição em SP

Mulher chamada de 'gorda' alega legítima defesa por atirar na vítima

 G1 26 Fevereiro de 2013 - 10:44 

Foto: G1
Acusada de matar marido disse ter sido chamada de 'gorda' após descobrir traição 
 
 
Investigada pela Polícia Civil de São Paulo como suspeita de assassinar o marido há um mês, uma empresária de 28 anos alega estar sendo injustiçada e conta como matou o representante comercial de 33 anos. Para o Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), o crime foi premeditado, mas para a mulher tudo não passou de “legítima defesa.”
Indiciada por homicídio doloso qualificado, quando há intenção de matar e por não ter dado chance de defesa para a vítima, Andressa Ramos de Araujo falou ao G1 que só atirou em Sergio Francisco para se defender. Ela ainda não disse ao seu filho de 4 anos que matou o pai dele.
A mulher alegou que, assim que descobriu a traição do marido, foi xingada de "gorda" e acabou agredida por ele. Com medo, disse ter pegado uma arma numa gaveta e atirado. O caso ocorreu na madrugada do dia 24 de janeiro na residência do casal, na Zona Leste. A arma do crime foi descartada pela acusada e ainda não foi localizada.
“Foi um disparo acidental”, alegou Andressa, que aceitou dar a entrevista sob a condição de que seu rosto não fosse mostrado. Ela responde pelo crime em liberdade.
'Gorda'
Após matar o marido, a mulher arrastou o corpo dele com uma coberta até um cômodo para que a criança não o visse. Chegou a colocar a casinha do cachorro na frente de Francisco. No rosto dele, um saco preto. Saiu da casa, ligou para um advogado, que acionou a Polícia Militar. Cinco dias depois, ela se apresentou ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Para a investigação, Andressa pode ter premeditado o assassinato de Francisco, planejando o crime.
A motivação ainda é apurada, mas parentes e vizinhos da vítima disseram à polícia que a empresária é "possessiva" e já havia batido no marido em público antes por "ciúmes".
Andressa nega. Na sua versão, o marido chegou bêbado em casa, a chamou de “lixo”, expulsou ela da cama, confirmou que estava tendo um caso extraconjugal e ainda a agrediu com socos. A acusada disse ter visto mensagens da suposta amante no celular dele, que confirmavam a traição.
“Ele chegou embriagado, gritando: ‘hoje eu é que vou dormir na cama. Sai daí’. Depois vi os ‘torpedos’. Em seguida, gritou para eu parar de mexer nas coisas dele. Então eu perguntei se era isso o que ele fazia enquanto trabalhava e cuidava do nosso filho e de nossa casa”, disse Andressa.
O teor do depoimento da indiciada à reportagem é quase o mesmo que ela deu ao DHPP. “Ele falou que eu não sabia me cuidar. Me chamou de 'gorda' e por isso buscava outras mulheres na rua”, disse a mulher, que alega ter jogado a arma fora após o crime.
O laudo da Polícia Técnico-Científica ainda não ficou pronto, mas peritos informaram que o disparo fatal atingiu a cabeça da vítima. Um tiro perto da nuca, muito preciso, o que fez a polícia desconfiar da versão de Andressa de que o disparo foi acidental.
"Ele me viu e falou que iria me matar. Depois escutei um disparo e me escondi. Não tive intenção de matá-lo. Foi uma tragédia. Acabei com a minha vida e a do meu filho. Por isso, peço perdão à família dele pelo que ocorreu. Estou arrependida, mas não tenho culpa", afirmou Andressa.
Defesa
Procurado para comentar o assunto, o advogado de Andressa, Davi Gebara Neto, afirmou que “se a vítima não tivesse levado a arma para dentro da casa, nada disso teria acontecido”. Segundo ele, sua cliente já registrou queixa no passado por ter sido agredida pelo marido.
A reportagem também tentou entrar em contato com a família da vítima e com o advogado que a representasse, mas não conseguiu localizá-los.
Segundo a delegada Jamila Jorge Ferrari, do DHPP, o inquérito que apura o assassinato de Francisco ainda não foi concluído porque faltam laudos do Instituto de Criminalística (IC) e IML (Instituto Médico-Legal) para serem anexados.
“Ela alega legítima defesa, mas estamos investigando se o crime foi premeditado. A relação entre seres humanos estão corroídas. Por mais que um casal tenha brigas e discussões, acho que não pode chegar ao ponto da morte. O casal tinha um filho de 4 anos. A que ponto o ser humano chega. Isso não é amor, é uma coisa corrosiva”, disse a delegada Jamila, que aguarda os peritos marcarem a data para a reconstituição do crime.
Não há informações se após concluir o inquérito a polícia irá pedir a Justiça a prisão de Andressa.
 
 

Médium considerado sucessor de Chico Xavier morre em Minas Gerais

Celso de Almeida Afonso tinha 72 anos e lutava há um ano e dois meses contra um câncer no fígado
G1 26 Fevereiro de 2013 - 14:57 
 
 
Foto: Reprodução
Médium está sendo velado no Centro Espírita 
 
Celso de Almeida Afonso, considerado um dos principais médiuns brasileiros depois do Chico Xavier, morreu na madrugada desta terça-feira (26) em Uberaba. Ele tinha 72 anos e lutava há um ano e dois meses contra um câncer no fígado que passou para o esôfago. Ele morreu por falência múltipla nos órgãos. O velório é aberto ao público na Avenida Lucas Borges, no Centro Espírita Aurélio Agostinho.
O médium estava internado no Hospital Hélio Angotti e recebeu alta na manhã de segunda-feira (25). No fim da tarde, o estado de saúde dele piorou e Celso voltou para o hospital, onde morreu na madrugada desta terça-feira.
Em 40 anos Celso psicografou 35 livros e quase 21 mil cartas para familiares que o procuravam para ter contato com parentes mortos. Nascido em Araxá, no Alto Paranaíba, ele tinha a profissão de ourives e fez diversos trabalhos de psicografia no Centro Espírita Aurélio Agostinho, no Bairro Fabrício.
Celso descobriu a mediunidade através do Chico Xavier, quando tinha 14 anos. Quando o médium morreu, alguns seguidores do espiritismo chegaram a cogitar que Celso seria o sucessor. O médium foi diagnosticado com câncer em novembro de 2012 e esteve em tratamento intensivo. Ele chegou a ser submetido a uma cirurgia para retirada de parte do esôfago e estômago.
Sobre uma possível sucessão de Chico, Celso sempre negou, afirmando que não existe sucessão no espiritismo e que cada um tem importância dentro da religião. O enterro está marcado para às 17h, no Cemitério São João Batista.
 

'Salve Jorge': Fecha o cerco em torno de Wanda

Após se refugiar no interior, Wanda volta ao Rio de Janeiro e pede abrigo na casa de Sheila até embarcar para a Turquia, mas será surpreendida por Lucimar

Caras 26 Fevereiro de 2013 - 16:13 

 

 

Wanda (Totia Meireles, 54) está ficando sem saída. Sentindo-se ameaçada com as investigações da delega Helô (Giovanna Antonelli, 36) e temendo ser a próxima pessoa a ser eliminada do esquema de tráfico humano comandado por Lívia Marini (Claudia Raia, 46), ela se refugia em um paradeiro desconhecido no interior até conseguir fugir para a Turquia.
De volta ao Rio de Janeiro, Wanda chega à rodoviária totalmente disfarçada – com direito a roupas simples, cabelo preso e óculos escuros – e busca um lugar para ficar até embarcar no jato para a Turquia, já que não quer cadastrar seu nome em hotéis ou pousadas para não levantar suspeitas. Então, a vilã telefona para Irina (Vera Fischer, 61), que está em Istambul.
“Só estou com uma identidade aqui. Exatamente a que estão procurando: Wanda”, diz a vilã.
Irina tenta ajudar, mas diz à companheira de trabalho que todo mundo que conhece no Brasil é de confiança de Lívia. “Se é dela que você desconfia, não aconselho procurar”, responde a loira.
Seguindo os conselhos de Irina, Wanda decide se esconder no morro. Ela telefona para Sheila (Lucy Ramos, 30), amiga de Morena (Nanda Costa, 26) que havia lhe pedido uma vaga de emprego no exterior, com a intenção de encontrá-la à noite, na casa dela, e conseguir ficar no local, alegando que está com medo de ir embora. Aconselhada por Lucimar (Dira Paes, 43), Sheila marca o encontro com Wanda em sua casa.
Estas cenas de Salve Jorge, novela das 9 da Globo, devem ir ao ar na sexta-feira, 1º.

Loja em Nova York se dedica a vender apenas o White Album dos Beatles

Até o momento, Chang conseguiu juntar 650 cópias da primeira edição do

BBC Brasil / IG 26 Fevereiro de 2013 - 17:03 

Foto: Divulgação
 
 
 
O artista americano Rutherford Chang criou uma loja de discos que tem apenas um vinil - o "White Album" dos Beatles. Mas, ao invés de vender os álbuns, Chang compra os exemplares de qualquer pessoa que queira vender um original, sem se importar com as condições do disco.
Até o momento, Chang conseguiu juntar 650 cópias da primeira edição do "White Album". Chang considera a primeira edição do vinil dos Beatles o item de colecionador mais valioso que poderia conseguir e espera juntar o maior número possível de cópias.
A partir desta coleção, foi criada a instalação We Buy White Albums ('Nós Compramos White Albums', em tradução livre), na Recess, um estúdio e galeria no bairro do Soho, em Nova York.
O programa criado pela Recess convida artistas a usarem o espaço no Soho para fazer projetos de longo prazo que "abraçam a experimentação e se concentram no processo".
Os que visitam o projeto de Chang serão convidados a examinar a coleção e ouvir os discos. O artista vai gravar em um arquivo digital cada álbum tocado durante o período em que o projeto ficar em cartaz e também documentar cada rótulo e capa dos discos.
As capas dos discos estão danificadas. Com frequência é possível encontrar marcas ou palavras escritas pelos antigos donos. Muitos discos também estão arranhados ou tortos.
A We Buy White Albums fica em cartaz no Soho até o dia 8 de março e mais detalhes sobre o projeto podem ser encontrados no site www.recessart.org.

Assessoria de Elieser oferece jantar para quem votar eliminando Nasser

Segundo a equipe que cuida da campanha, o Elieser vai até a casa do vencedor, independente da região do País que ele more
Terra 26 Fevereiro de 2013 - 15:49 

Foto: Reprodução 

 
 
 
Os assessores de Elieser Ambrósio, participante do reality show Big Brother Brasil 13, realizaram uma campanha para ajudar o confinado, que está no Paredão, a permanecer na casa. Quem apresentar a conta de telefônica com mais ligações e mensagens de texo para o número que elimina Nasser ganha um jantar com o brother.
Elieser está em um Paredão triplo com Nasser e Marcello, mas segundo os assessores, eles optaram para votar no gaúcho já que ele está no páreo com o modelo, mas asseguraram que a escolha não é "pessoal".
Segundo a equipe que cuida da campanha, o Elieser vai até a casa do vencedor, independente da região do País que ele more, para fazer a refeição junto ao fã. Só será necessário marcar uma data para conciliar a agenda do atual confinado.
Apenas serão consideradas válidas as ligações e mensagens do dia 26 de fevereiro, ou seja, esta terça-feira, o dia de eliminação.
Esta não é a primeira vez que a equipe de Elieser realiza promoções do tipo, que acontecem principalmente no Twitter, através de mensagens retuitadas. Segundo os assessores, algumas promoções contaram com 10 mil concorrentes.
 

Edu Guedes é barrado na festa de aniversário da própria filha

Dani Zurita, ex do apresentador, o excluiu da lista de convidados da festa de Maria Eduarda, de 4 anos

Globo/Yahoo 26 Fevereiro de 2013 - 15:16 

O apresentador da Rede Record, Edu Guedes, 38, foi barrado na lista da festa de aniversário da própria filha, segundo informações da coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", desta terça-feira (26).
Ainda de acordo com a publicação, a festa, que irá acontecer na próxima sexta-feira, dia 1 de março, não irá contar com a presença do pai da criança por causa de uma briga judicial mantida por Edu com a ex-mulher, Dani Zurita, mãe de Eduarda, de quatro anos.
Dani, que se separou de Edu em novembro de 2012, aliás, já está noiva de outro homem. A ex do apresentador deve subir ao altar com o milionário Leo Queiroz - diretor de uma empresa multinacional.


Jennifer Lawrence brinca sobre queda no Oscar: 'Eles enceraram a escada'

Vírgula 25 Fevereiro de 2013 - 21:34 

Foto: Reprodução
Jennifer Lawrence brinca sobre queda no Oscar: 'Eles enceraram a escada' 
 
 
Jennifer Lawrence sabe levar as quedas da vida com bom humor. A vencedora do Oscar de melhor atriz, pela atuação em O Lado Bom da Vida, levou um senhor tombo na hora de receber seu prêmio, durante a cerimônia de domingo (25). Em entrevista após o evento, a atriz disse que "logicamente" caiu de propósito.
"Do que você está falando. O que aconteceu?", brincou a atriz ao ser questionada sobre o tombo. "Olha o meu vestido. Eu tentei subir as escadas com esse vestido, isso foi o que aconteceu. Eu acho que eu pisei no vestido, e eles enceraram a escada", disse.
Sobre o que ela pensou ao tropeçar, a atriz respondeu, "Uma palavra que eu não posso dizer".

O Lado Bom da Vida recebeu indicações de melhor ator (Bradley Cooper), melhor atriz (Jennifer Lawrence), melhor ator coadjuvante (Robert De Niro), melhor atriz coadjuvante (Jacki Weaver), além de melhor diretor (David O. Russell), melhor filme, melhor roteiro adaptado e melhor edição. Apenas Lawrence levou o Oscar para casa.

Madonna foi a estrela da música que mais faturou em 2012

Lista da Billboard aponta os artistas que mais lucraram no ano passado

Bang Showbiz 25 Fevereiro de 2013 - 20:33 

Foto: Reprodução
Madonna foi a estrela da música que mais faturou em 2012 
 
A cantora de 'Girl Gone Wild' liderou a lista da Billboard dos músicos que mais fizeram dinheiro no ano passado, levando para casa 34,5 milhões dólares pela MDNA World Tour -  que também foi a turnê de maior bilheteria do ano.
Madonna, de 54 anos, por pouco bateu o roqueiro Bruce Springsteen com 93,5% de seus ganhos provenientes da turnê, na qual ela tirou um total de 32 milhões de dólares do bruto de 305 milhões de dólares que a turnê faturou.
A estrela ganhou um adicional de 1,5 milhões de dólares pelas vendas físicas e digitais de seu último álbum de mesmo nome, que chegou ao topo das paradas no Reino Unido e EUA.
Seu rival mais próximo, Bruce, ganhou 33,4 milhões de dolares também, principalmente de turnê.
Os outros músicos que entraram nas dez primeiras colocações são: o ex-Pink Floyd Roger Waters, com US $ 21 milhões,  o Coldplay, com US $ 17 milhões, e Justin Bieber, com US $ 16 milhões.
Muitos dos milhões não vieram com turnês, mas, sim, com as vendas de discos para alguns artistas, como Taylor Swift e Adele.
Adele foi quem mais faturou com a venda de discos em 2012, levando para casa 14 milhões de dólares pelo sucesso de seu segundo álbum '21'.
Já Taylor, que liderou a lista em 2011, caiu para 15 º lugar, já que ela não saiu em turnê, mas, mesmo assim,  ela fez 12,6 milhões de dólares coma  venda de discos, publicidade e patrocínios. A cantora vendeu três milhões de cópias físicas e mais de um milhão de cópias digitais de seu quarto álbum 'Red'.
Veja o Top 10 dos artistas que mais faturaram em 2012 de acordo com a Billboard:
1. Madonna (US $ 34.5 milhões)
2. Bruce Springsteen (US $ 33.4 milhões)
3. Roger Waters (US $ 21.1 milhões)
4. Van Halen (US $ 20.1 milhões)
5. Kenny Chesney (US $ 19.1 milhões)
6. Dave Matthews Band (US $ 18.9 milhões)
7. Tim McGraw (US $ 18,3 milhões)
8. Jason Aldean (US $ 17,5 milhões)
9. Coldplay (US $ 17.3 milhões)
10. Justin Bieber (US $ 15,9 milhões)
 
 

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Volte sempre, Yoani!







Lauro Assunção

Consultor Empresarial na empresa Estado do Maranhão  
25.02.2013
Conforme noticiário, esteve em visita ao Brasil a jornalista Yoani Sánchez, uma dissidente cubana que usa o seu blog para denunciar as mazelas do regime castrista.

Dos horrores da ditadura de Cuba não vou aqui falar, pois somente um grosso caderno daria conta de enumerá-los em detalhes e circunstâncias. Basta dizer que, há exatos 54 anos, aquele povo é subjugado pelos irmãos Castro (Fidel e Raul), que, sem nenhuma cerimônia, dizem que a revolução que comandam ainda precisa de tempo para produzir seus “benéficos efeitos”. Enquanto isso, lá, muitos nasceram e morreram sem conhecer o sabor da liberdade.

Mas, ainda que tenha demorado tanto, há sinais claros de que em breve os cubanos se libertarão. É difícil derrubar uma ditadura, especialmente quando reforçada por um capitalismo de estado, como é o caso de Cuba, mas, como em outros momentos da história, a liberdade haverá de triunfar.

No nosso caso, o que nos trouxe preocupação não foi o que a jornalista veio contar sobre Cuba. Em sua passagem pelo Brasil, o inusitado, que nos preocupou e nos encheu de vergonha, foi a forma autoritária e agressiva com que alguns poucos militantes, ditos de esquerda, partiram para cima da visitante com gritos, insultos e ameaças, num espetáculo tão chocante quanto deprimente. Não há dúvidas de que foram instruídos para tal fim.

Diante das cenas na televisão, fiquei por instantes a me perguntar se aquilo era realmente aqui no Brasil, onde a democracia e a postura educada de nosso povo, imaginava, jamais poderia testemunhar tamanha agressão e incivilidade.

E não vamos perder tempo aqui discutindo questões secundárias para tentar justificar uma ditadura. A primeira pergunta sempre será: existe liberdade? Se não, o regime é inaceitável. Só o defendem os opressores e seus serviçais. Os defeitos da democracia, claro que existem, haveremos de corrigi-los fazendo uso da liberdade, um postulado que tem valor em si mesmo.

Seja com a rudeza dos grilhões, seja com a utilização de sofisticadas teorias, sempre existirão os vilões aventureiros que tentarão, a seu deleite, escravizar seus semelhantes. Por isso, é sempre louvável a insurgência contra os regimes ditatoriais. A cidadania, como a síntese dos direitos individuais, permanecerá uma luta, uma conquista, sempre. Os pervertidos agressores que praticam o totalitarismo para se perpetuarem no poder não passam de usurpadores delinquentes, tenham eles o título de imperador, presidente, comandante ou coisa que o valha.

Apesar de a revista Veja ter denunciado as articulações da embaixada cubana com uma semana de antecedência, apesar de já estar às claras a orquestração ruidosa que aguardava a jornalista Yoani, a estratégia insultuosa foi mantida e, em vários pontos do país, a intolerância mostrou sua face mais ruidosa.

Hoje, Yoani viajou, seguiu seu caminho, foi pregar sua luta entre outros povos. Com sua altivez e serenidade, deixou para trás em silêncio acabrunhado os seus barulhentos detratores. Levou consigo o testemunho do apreço que os brasileiros de bem têm por ela e por sua causa: a liberdade. Quero aqui, portanto, dizer-lhe com toda convicção: volte sempre, Yoani, e tenha sucesso em sua luta, que é também de todos nós.

INAUGURADA RÁDIO PALESTINA FM 104.9 MHz


REPRODUÇÃO DO BLOG DO BORÓ DE IBICARAÍ


PALESTINA FM 104,9 MHz, mantida pela ABCCI - Associação
Beneficente da Comunidade Carente de Ibicaraí, que tem
como presidente Alonso Sales, ontem, 20 de fevereiro de 2013,
às 19 h, no Salão Nobre Prof°. Oscar de Queiroz Matos,
da Câmara de Vereadores de Ibicaraí
A procuradora do Município, Drª. Adenildes, falou da legalidade
da emissora e agradeceu ao presidente Alonso pelo empreendimento.
A presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública
de Ibicaraí, Virginia Leal, falou da importância do esclarecimento
da legalidade da Rádio e que será uma defensora da mesma.
O Prefeito Lenildo Santana, falou das dificuldades enfrentadas
por Alonso Sales para aprovar a Rádio Comunitária e teceu
comentários sobre a importância do Cooperativismo que
resultou na implantação da Palestina FM.
Diversos oradores solicitaram a palavra para agradecer a Alonso
e equipe pelo empenho e desejar sucesso para a nova Rádio.

Foi definitivamente inaugurada oficialmente a Rádio Comunitária
A Rádio foi autorizada no dia 31 de julho de 2012,
pelo Ministério das Comunicações e pela Câmara dos Deputados.
Abaixo cópia do documento de autorização da PALESTINA FM
que é totalmente legalizada.

 

 

O Cerimonialista e Mestre de Cerimônias Waldyr Montenegro
Lenildo Alves Santana, Prefeito Municipal
Drª. Adenildes, procuradora do Município
Profª. Edileusa Sales, falou em nome da família.

 Prof°. José Carlos, parabenizou pela persistência

 Virginia Leal, Presidente do Conselho Municipal 
de Segurança Pública de Ibicaraí

Binho Vídeo, falou em nome da imprensa televisionada
Blogueiro "O Gari"

 André Luiz, "Puba", agradece o espaço 
do programa Palestina Notícias que vai
ao ar, de segunda à sexta de 13 às 14 h. 

Josevan Dias, Diretor de Esportes da PMI,
parabeniza pela atuação e apoio ao esporte

Paulo Ramisés, fez uma linda oração de agradecimento
pela nova Rádio FM da cidade
Alonso Sales, presidente da ABCCI - Associação
Beneficente da Comunidade Carente de Ibicaraí,
mantenedora da Rádio Comunitária
PALESTINA FM 104.9 MHz

Alonso e Camila Sales com as filhas
Equipe de Esportes, sob o comando de Sandoval Movais, 
de camisa branca. 



PARABÉNS ALONSO E TODA A SUA EQUIPE, PELO GRANDE EMPREENDIMENTO EM IBICARAÍ , LOCALIZADA NO SUL DA BAHIA.

BLOGÃO DE NOTÍCIAS